La pasta italiana! Dicas para o melhor macarrão de todos

Publicada em: 29/04/2021 10:31

Por mais simples que seja preparar macarrão, não podemos definir que a arte antiquíssima e maravilhosa da preparação de massas se limite. Ter um preparo simples não significa um leque menor de sabores ou que não possa ser complexo. Isso vale também para a qualidade da massa, diferença que se sente em todas as etapas: do abrir do pacote à boca. A linha Grano Duro na Adria é feita com a parte mais nobre de trigos importados das regiões frias, característica que facilita a massa a ficar “al dente”, o ponto certo para a melhor experiência. Além, é claro, de um sabor muito mais refinado que harmoniza perfeitamente com bons molhos e vinhos.

Mesmo com essa bela "mãozinha" da Adria, existem algumas dúvidas sobre como preparar sua pasta da maneira mais italiana possível e nessa indecisão é normal cometer alguns erros no caminho do sabor perfeito. As dicas que o CyberCook e a Adria trazem a seguir realmente tendem a melhorar o preparo do seu macarrão, mas não deixam de ser sugestões. A ideia aqui é que os verdadeiros prazeres se encontram escondidos em pequenos detalhes da nossa rotina, então é neles que você deve focar enquanto saboreia uma massa soltinha e deliciosa!

A começar pela panela

  • Use sempre a panela adequada à sua massa, nunca muito rasa. É importante que o macarrão fique bem dentro da fervura.
  • O que também engloba o ato de quebrar o spaghetti, que não deve ser feito. A panela é o começo de um bom preparo de massa!

A fervura é mais do que parece

  • Uma primeira boa dica é tampar a panela somente até que a água ferva. Quando a massa for inserida, o ideal é manter a panela aberta.
  • Além disso, um dos grandes tabus é sobre o que colocar na água de cozimento do macarrão: apenas sal, na quantidade certa de 7 gramas para cada 100 gramas de massa, e só depois de levantada a fervura para não demorar muito para chegar aos 100°C.
  • Jamais enxágue a massa depois de cozida, o ideal é retirar apenas o excesso e utilizar um pouco dessa água de cozimento no molho. Perde-se muito sabor.
  • Sem falar que a água fria corta o cozimento do macarrão, o que não é interessante. A não ser que a sua receita seja uma salada com macarrão, aí a dica é passar um fiozinho de óleo e misturar antes de gelar para que ela não grude.

Como eu sei se está Al Dente?

  • Aliás, aqui temos outro mito: o óleo na água não ajuda a manter a massa soltinha e pouco contribui para o sabor. Massa soltinha e sempre al dente você consegue utilizando as opções Grano Duro da Adria, que são feitas com partes especiais do trigo importado, trazendo mais sabor, cor e textura, facilitando o ponto perfeito.
  • Além da informação da caixinha que deve ser levada em consideração. Se lá está indicado 10 minutos para o tempo de cozimento, pode confiar que estará perfeito!
  • Depois desses 10 minutos, como dissemos ali na outra dica, assim que colocar a massa no molho com um pouquinho da água do cozimento, mexa em fogo brando por mais um minuto e você terá o ponto perfeito e a junção ideal de massa com molho.

Cada massa com seu molho

A décima dica vem com sugestões de receitas maravilhosas, então fique atento. Cada tipo de massa vai com um molho ideal principalmente pelo seu formato ou textura do molho:

Grano Duro na Adria

Massas longas: As mais compridas como o Spaguetti e o Bavete Grano Duro vão muito bem com molhos mais líquidos e cremosos como o molho de tomate batido e o bechamel (ou molho branco). Uma das receitas mais clássicas feitas com linguine ou spaguetti é o técnico carbonara.

Para esse preparo, sugerimos um bom Chardonnay: vinho branco com notas frutadas. Se puder, opte pelas opções europeias ou de climas frios, que trazem aromas mais cítricos como o de maçã verde (a acidez contrasta muito bem com a gordura do carbonara).

Massas rajadas: As massas rigati, que tem sulcos como o Penne, Fusili, Farfale e o Tortiglione Grano Duro aderem muito bem ao molho por conta do seu formato, combinando maravilhosamente com ragú e molhos mais rústicos. A melhor sugestão possível é esse fusili com ragu de calabresa e erva doce sensacional.

Para esse fusili maravilhoso, abra um bom Cabernet sauvignon: vinho tinto encorpado que traz taninos bem presentes e aromas de frutas escuras. Se for envelhecido, melhor, já que costumam trazer aromas como o cedro e o tabaco, que combinam muito bem com o defumado da linguiça do ragu.

A cultura italiana de massas é digna de muita homenagem e tem muita história para contar. Se interessar pelo começo de tudo é a primeira fase de quem quer cozinhar uma comida deliciosa. A Adria traz toda essa história em seus produtos e mostra que faz muita diferença investir em uma massa Grano Duro de qualidade com ingredientes especialmente importados.

Confira mais algumas opções de molhos básicos para suas massas e surpreenda até a mais tradicional das nonnas italianas

Mangia che te fá bene!

Avalie:

Comente:

Quanto tempo você levou para preparar esta receita?

:

Você achou: