Enviar fotos

Atenção: Imagens retiradas da internet possuem direitos autorais e estarão sujeitas a remoção caso seja comprovada a devida autoria. Dúvidas? Consulte nossos termos de uso.

Festival de receitas com atum

sem lactose·sem glúten·
Peso: 0,00 g *
Preparo: 0h30

Quer preço e análise nutricional nessa receita?

Receitas com informação nutricional e preço

Ingredientes

Como Fazer

  1. 1.
    Tal como ouvimos desde a nossa infância o peixe é, de facto, um elemento fundamental da nossa alimentação. Seja qual for
  2. 2.
    a nossa faixa etária ele deve estar presente na nossa dieta pelo menos duas vezes por semana pois o seu consumo ajuda a prevenir várias doenças como as que são provocadas pelo stress, as cardíacas eas de hipertensão. Além de ajudar no desenvolvimento escolar, o peixe ajuda a diminuir o cansaço mental e, consequentemente, reduz também o risco de desenvolvimento da doença de Alzheimer em adultos e idosos. Surpreendidos com a baixa taxa de acidentes cardiovasculares entre a população de esquimós da Gronelândia cuja dieta alimentar se caracteriza por um elevado teor de gordura, os cientistas concluíram que a sua longevidade e boa saúde se devia exactamente ao elevado consumo de peixes ricos em ómega 3 . Ora sendo o atum também um peixe rico em ómega 3 torna-se assim numa opção saudável e nutritiva que deve ser consumida com regularidade - sobretudo o de conserva. O atum é uma das espécies provenientes das águas tropicais e subtropicais de todos os oceanos e é uma importante fonte de proteínas (fundamentais para a nossa estrutura muscular), vitaminas ( A, B e D), lípidos (ómega 3) e sais minerais (magnésio, cálcio e fósforo que fortalecem os ossos). Segundo os especialistas o seu consumo frequente ajuda ainda a controlar o colesterol e a hipertensão. O ómega 3 - um ácido gordo polinsaturado que se encontra também noutras espécies como - a sardinha, o salmão, a garoupa, a truta ou o peixe-espada - é o verdadeiro tesouro do atum. Este ácido gordo - ao contrário do que possa parecer - ajuda à redução das doenças cardiovasculares, formação de coágulos e acindentes vasculares cerebrais protegendo ainda o organismo contra determinados tipos de cancro ( mama, cólon e próstata), facilita o desenvolvimento correcto da retina e do cérebro em crianças e é terapêutico em doenças inflamatórias da pele. Além disso, como actua directamente nas células nervosas é também aconselhado no tratamento de problemas de sono, ansiedade e depressão. Deve, no entanto, ter alguma atenção na sua preparação para que durante a confecção o atum não perca as suas propriedades originais tão benéficas. Prefira-o em saladas, grelhados ou assados e evite os fritos.
silvana silveira
por   silvana silveira

Festival de receitas com atum