Enviar fotos

Atenção: Imagens retiradas da internet possuem direitos autorais e estarão sujeitas a remoção caso seja comprovada a devida autoria. Dúvidas? Consulte nossos termos de uso.

Lingüiça na cachaça

sem lactose·sem glúten·

Quer preço e análise nutricional nessa receita?

Receitas com informação nutricional e preço

Batata com Linguiça

Batata com Linguiça

Danielle Schulze

Bolo de Banana

Bolo de Banana

Suzete Brittes

Feijoada a Mineira

Feijoada a Mineira

cicera oliveira

Cuscuz com Lingüiça Calabresa

Cuscuz com Lingüiça Calabresa

Roseane Silva de Araújo

Bolo de Banana

Bolo de Banana

Suzete Brittes

Ingredientes

Como Fazer

  1. 1.
    Acompanhamento: descasque as batatas-doces, lave e corte em rodelas de 1,5 cm. Coloque-as em uma panela, cubra com água
  2. 2.
    e adicione sal. Leve ao fogo e cozinhe por 15 minutos, ou até as batatas ficarem levemente cozidas.
  3. 3.
    Retire, escorra a água, espalhe as batatas sobre uma peneira e deixe secar um pouco. Em seguida, aqueça o óleo em uma panela e frite as batatas-doces por 10 minutos, ou até
  4. 4.
    dourar.
  5. 5.
    Retire-as com uma escumadeira e coloque-as em uma travessa.
  6. 6.
    Reserve.
  7. 7.
    Em seguida, coloque na panela o óleo e a cebola e frite-a rapidamente, ou até ficar macia e crocante.
  8. 8.
    Retire e reserve.
  9. 9.
    Lave as lingüiças
  10. 10.
    Colocar as lingüiças em uma panela, cobrir com água com um cravo e sal
  11. 11.
    Levar ao fogo e cozinhar por 15 minutos
  12. 12.
    Seque-as com toalha de papel.
  13. 13.
    Coloque-as em um refratário e despeje metade da pinga.
  14. 14.
    Acenda um fósforo e deixe por 5 minutos, ou até flambar e o fogo apagar totalmente.
  15. 15.
    Vire as ling6uiças e corte-as em gomos na diagonal.
  16. 16.
    Disponha as lingüiças sobre as batatas, espalhe as cebolas e salpique a salsinha picada.
  17. 17.
    Sirva com pão.
  18. 18.
    Fonte: Revista Água na Boca
  19. 19.
    Obs - Caso sobre cachaça, coloque num cálice e mande ver!
Fernanda Amaral
por   Fernanda Amaral

Lingüiça na cachaça